Como declarar ações no imposto de renda?  

Vote nesse artigo

Imposto de Renda, como declarar ações

Se você começou agora a investir em ações e não sabe como fazer a declaração delas no imposto de renda, calma! Nós vamos te ajudar da melhor maneira possível, facilitando ao máximo a sua declaração de IR, então continue com a gente aqui neste artigo e veja como declarar ações no imposto de renda.

Ações, como declara-las no imposto de renda?

Como sempre falamos de investimentos aqui no Dinheiro Dicas, hoje vamos falar como você deve fazer o seu imposto de renda, mostrando a melhor forma de você declarar os seus investimentos e fazer a declaração de ações no IR é bem simples.

Dividendos das ações: 

Para começar a declarar os dividendos das ações entre na opção “Rendimentos isentos e não tributáveis”

Em seguida clique no botão “Lucros e dividendos recebidos pelo titular e pelos dependentes”

Logo em seguida clique no botão “Novo”

Feito isso vai abri um campo com o nome de Rendimentos, nesse campo você vai colocar algumas informações que deverão ser preenchidas.

Tipo de beneficiário, nesse caso vai existir algumas opções pré-definidas nesse campo, escolha titular.

No campo seguinte Beneficiário, você deve colocar a opção que o identifique, CPF, nome.

Campo CNPJ, aqui você deve colocar o CNPJ da fonte pagadora dos dividendos.

Campo Fonte Pagadora, neste campo você deve colocar o nome da fonte pagadora.

Campo Valor, aqui você deve colocar o valor, essa informação você irá encontrar no Informe do Rendimento.

Logo em seguida clique em “OK”

Caso você tenha outros dividendos, você deve iniciar esses passos que passamos para você clicando no botão “Novo”

Juros sobre capital próprio “ações”: 

Para você declarar os juros sobre o capital próprio das ações é bem simples, basta seguir os passos.

Entre na opção “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”

Agora clique no botão “Outros Rendimentos Recebidos Pelo Titular”

Em seguida clique no botão “Novo” vai abrir uma janela chamada rendimentos.

Campo Especificação, digite uma descrição que contenha o tipo de juros, que nesse caso é “Juros Sobre Capital Próprio” e o nome e CNPJ da empresa, essas informações você encontra no Informe de Rendimentos.

Campo Valor, neste campo você deve colocar o valor exato que está no informe de rendimentos.

Em seguida clique em “OK”

Caso você tenha juros de capital próprio de outras empresas é só clicar em “Novo” e repetir os passos anteriores.

Feito a declaração dos juros de capital próprio de todas as empresas é só clicar em “OK”

Observação

Pode acontecer de você ter juros de capital próprio de alguma empresa enquadrados em alguma opção de declaração a serem pagos no Informe de Rendimento, caso isso venha acontecer, siga esses passos logo abaixo.

Você deve iniciar entrando na opção “Bens e Direitos”

Em seguida você deve procurar nas opções existentes se tem alguma linha com a descrição “Créditos em Trânsito” com o nome da empresa e CNPJ da mesma, se encontrar essa opção basta clicar nela e em seguida clicar no botão “Editar” e pule para o paço “Campo Situação” caso não tenha encontrado nem uma linha com essa descrição, clique na opção “Novo”. Após clicar em novo, vai abrir uma janela chamada “Dados do Bem” agora é só seguir os passos.

Campo Código, escolha a opção “Outros Bens e Direitos”

Campo Discriminação, aqui você deve digitar o tipo de lançamento o nome e CNPJ da empresa, essas informações você encontra no Informe de Rendimento.

Campo Situação, digite o valor a receber da mesma forma que consta no Informe de Rendimento.

Em seguida clique em “OK”

Caso você tenha créditos em trânsito de outras empresas, basta verificar se você encontra a linha discriminada com o nome e CNPJ da empresa, caso não encontre basta clicar em “Novo” e seguir os passos novamente.

Gostou do nosso artigo? Então ativa o sininho e receba notificações todas as vezes que postarmos textos novos, lembre-se, a sua riqueza começa a partir do seu conhecimento. 

Veja também:

Quais os melhores investimentos para 2018? No que investir em 2018? Falar quais são os melhores investimentos para 2018 e no que você deve inv...
Qual o juros do consórcio? Consórcio não tem juros? Sempre pensamos em planos que requerem algum investimento financeiro mais elevado, seja um carro ou ...
O que é Swap? O que é e como funciona o Swap? Se você quer saber como funciona o Swap, você está no lugar certo, ...
Índices de liquidez corrente, seca, imediata e geral (Como funciona) O que são índices ou indicadores de liquidez e como funciona  O índice de liquidez ou e indicadore...

Deixe uma Resposta